Tipos de berço

Tipos de Berço

Existem no mercado vários tipos de berço com finalidades diferentes. O berço é o local onde o bebê dorme, mas pode ser utilizado em diferentes contextos e de diversas maneiras. Pode ser um berço que se acople à cama dos pais ou um que sirva para viagens ou cochilos ao ar livre.

Os berços também podem ter diferentes formatos e podem vir juntos com cômoda ou trocador. A escolha vai depender do estilo de vida dos pais e do espaço existente.

Um fator fundamental sobre os berços é que devem cumprir as normas de segurança infantil e regras básicas que podem ser consultadas em melhor berço desmontavel.

Outros artigos que escrevemos sobre berços é podem lhe interessar são: melhor colchão para berço, berço side by side, berço gemeosberço com cama auxiliar e melhores berços.

Tipos de Berço: Tradicional

Estes tipos de berço são os clássicos, compostos por uma estrutura gradeada em volta de si e uma superfície plana onde fica o colchão.

A idade para utilização é do nascimento aos 24 meses.

Tipos de berço

Algumas vantagens destes berços são:

  • Tamanho: são pequenos porque não incluem outras estruturas como cômoda ou trocador.
  • Preço: são os mais baratos.
  • Funcionalidade: são práticos, fáceis de encontrar e rápidos de montar.

A desvantagem deste berço é só servir para dormir e não ter outras funções.

Berço Minicama

São berços que se transformam em cama ao permitirem montar o estrado numa posição mais baixa e retirar uma das grades laterais.

A idade de utilização é desde o nascimento até à idade escolar. Estes berços podem ser utilizados com o estrado na posição mais alta até cerca dos 9 meses e nunca depois dos 12 meses e a conversão para minicama deve ser feita entre 18 meses e 3 anos e meio dependendo do bebê. Não há uma idade exata para isso acontecer.

Para um bebê que tenta pular fora do berço toda a hora, será mais seguro usá-lo no formato de minicama. Mas se isso não acontece, talvez seja mais seguro permanecer com a grade. Afinal sem a grade o bebê pode sair e circular livremente pela casa durante a noite e muitas vezes sem ninguém saber e isso também é inseguro.

Tipos de berço

Vantagens destes tipos de berço:

  • 2-em-1: evitando ter de comprar uma cama quando não precisar mais do berço.
  • Adaptação ao desenvolvimento do bebê: não existem idades certas até às quais o bebê pode permanecer no berço ou a partir das quais tem de passar para a minicama. Tornando essa opção de berço mais prática, por permitir ajustar mais facilmente à evolução de cada bebê em vez de ter que começar a procurar desesperadamente por uma cama, quando precisar.

A desvantagem destes berços é o preço (por combinarem 2 em 1 costumam ser mais caros).

Berço com Trocador, Cômoda e Minicama/Bicama

Trata-se de um berço com trocador, cômoda e minicama/bicama que pode ser ajustado conforme o crescimento do bebê.

Inicialmente esses tipos de berço são usados como um berço comum, mas podem ser usados como minicama ou bicama também, dependendo do modelo, pois pode incluir uma cama auxiliar localizada na parte de baixo do berço.

A idade de utilização é do nascimento até a idade escolar.

Tipos de berço

Vantagens:

  • Melhor aproveitamento do espaço: permitem combinar o berço/cama com os móveis onde se guardam as roupas e se troca o bebê. Esta opção é ideal para quartos pequenos ou para quartos em que já dorme uma outra criança.
  • 4 em 1: combina berço, minicama/bicama, trocador e cômoda.
  • Adaptação ao desenvolvimento do bebê.
  • Versatilidade: a cômoda transforma-se em criado-mudo quando a criança cresce e passa a utilizar a minicama.

Desvantagens:

  • Trocador pequeno: muitos pais preferem utilizar outro espaço para trocar o bebê, porque têm medo que ele possa rolar para o lado e cair.
  • Preço: geralmente são mais caros por combinarem várias características.

Tipos de Berço: de Balanço

Estes berços têm pés arredondados, permitindo embalar o bebê. Muitos destes berços também são portáteis.

A idade média de utilização desses tipos de berço é do nascimento aos 9 meses.

Tipos de berço

As vantagens são:

  • Conforto: os bebês pequenos gostam de serem embalados e adormecem mais facilmente assim. As noites são mais calmas e as sonecas de dia também.

As desvantagens são:

  • Pouco tempo de uso: significa ter de mudar para outro berço ou uma minicama a partir dos 9 meses, idade em que o bebê já começa a tentar ficar de pé apoiando-se na proteção em volta do berço e pode virar com maior facilidade esse modelo.

Berço Montessoriano

A ideia do quarto montessoriano é deixar o bebê circular livremente, logo estes tipos de berço são, na realidade, colchões no chão.

A idade de utilização é desde o nascimento até que o neném atinja altura acima do comprimento do colchão (geralmente 1,2 m).

Tipos de berço

As vantagens desta opção:

  • Segurança: quanto mais perto do chão o bebê estiver, menor o risco de cair. A simplicidade desta ideia é o que faz com que seja a opção com menor risco.
  • Autonomia do bebê: assim que o bebê adquire capacidade de se movimentar pelo quarto, tem opção para o fazer livremente.

A desvantagem desta opção é a proximidade com o chão.

Apesar de parecer contraditório com o fator de segurança mencionado anteriormente, ser tão próximo ao chão pode ser um problema ao ter que amamentar o neném por exemplo, na hora de tirar e colocá-lo de volta no lugar pode exigir um certo esforço da mãe. Entre outras situações.

Berço Cegonha

Este berço é suspenso verticalmente na parede e embala o bebê de uma forma semelhante ao que acontece no útero, quando a mãe está andando.

A idade de utilização é desde o nascimento até aos 3 meses.

A vantagem destes tipos de berço é o conforto que proporcionam ao bebê.

Tipos de berço

Algumas desvantagens são:

  • Pouco tempo de uso: só pode ser utilizado até os 3 primeiros meses da criança.
  • Instalação diferente: sua instalação é feita ao prender o berço na parede, o que pode ser um problema para alguns pais.

Tipos de Berço: Moisés

Este berço é um moisés que fica junto à cama dos pais.

Tipos de berço

Tem como vantagens:

  • Funcionalidade: é muito prático e leve, fácil de transportar pela casa e permite ter o bebê junto aos pais nos vários quartos da casa.
  • Conforto: é bem confortável, servindo inclusive para simular o ambiente dentro do útero da mãe.

A principal desvantagem é o pouco tempo de uso. Pois só pode ser utilizado até por volta de 3 a 4 meses.

Berço Redondo

Estes berços são pequenos mas podem ser convertidos em um berço oval quando o bebê se torna grande para o espaço usado inicialmente.

Tipos de berço

Vantagens:

  • Funcionalidade: é leve, prático e fácil de transportar, permitindo usar em diferentes locais da casa.
  • Estética: estes berços são bonitos e ficam muito bem em qualquer quarto.

A sua desvantagem, assim como o berço anterior, é o pouco tempo de uso. Pois por ser pequeno, só dura até os 6 meses de vida, às vezes menos.

Berço Portátil ou de Viagem

Estes berços são desmontáveis e encolhem até uma versão bem compacta, em formato envelope ou dobrado em Z. São utilizados para situações em que o berço não possa estar sempre montado (espaço reduzido ou viagens).

Tipos de berço

As vantagens são:

  • Funcionalidade: práticos, leves, fáceis de guardar e transportar. Podem ser utilizados em diversos contextos.
  • Versatilidade: podem ser usados como berço, berço com trocador e como um cercado para o bebê brincar.

As desvantagens desses tipos de berço são:

  • Conforto limitado: muitos destes berços são pouco confortáveis.
  • Segurança: é importante verificar se cumprem as normas de segurança infantil e se têm certificação do Inmetro.

Conclusão Sobre os Tipos de Berço

Os berços estão divididos por grupos de acordo com a sua funcionalidade, idade de utilização e contexto. Existem berços tradicionais, minicama, com trocador, cômoda e bicama, berço de balanço, berço montessoriano, berço cegonha, moisés, berço redondo e berço portátil ou de viagem.

A sua escolha depende do nosso estilo de vida, do espaço que temos em casa, do uso que queremos dar ao móvel que vamos comprar e do contexto em que o utilizamos.

Seja qual for o tipo de berço escolhido devemos sempre certificar-nos que foram cumpridas as normas de segurança infantil e que tem certificação Inmetro.

Se você gostou deste post e ele te ajudou a fazer uma escolher entre os tipos de berço mostrados qual você vai comprar para seu bebê, não se esqueça de curtir e compartilhar este conteúdo.

Aproveite também para deixar seus comentários com sugestões de modelos para serem considerados em uma próxima avaliação da Mãe Pediatra para decidirmos os melhores tipos de berço.